Um jovem de 15 anos e 297 dias de idade, que sequer tinha nascido durante a final da Copa do Mundo de 98 (!), entrou para a história da Eurocopa e do futebol internacional da última segunda-feira (13). Martin Odegaard, noroeguês da cidade de Drammen, nascido no dia 17 de dezembro de 1998, se tornou o jogador mais novo a participar de uma partida válida pelo torneio entre seleções. O garoto entrou em campo aos 19 minutos do segundo tempo na vitória da Noruega por 2 a 1 diante da Bulgária, pelas eliminatórias da Euro-2016.

Com o feito, Odegaard superou o recorde anterior, que pertencia a Ronny Buchel, de Liechtenstein, que estreou pela sua seleção também em uma partida de Eurocopa, só que com 16 anos e 209 dias.

Jogador profissional do Stromsgodset, da primeira divisão escandinava, Odegaard já é cobiçado por diversas equipes europeias, mesmo sendo apenas uma opção no banco de reservas da seleção norueguesa.

Meia canhoto e dotado de uma grande habilidade, Odegaard estava muito ansioso para fazer sua estreia e mostrou um pouco de nervosismo nos primeiros minutos em campo. “Eu estava uma pilha de nervos já quando fui convocado, mas com o carinho que recebi do povo desde então, só tenho que sorrir e seguir em frente”, disse o norueguês, em entrevista pós-jogo ao jornal Verdens Gang.

Assista no vídeo abaixo alguns dos melhores lances da revelação da Noruega

Sem mais artigos