Uma noite para ser esquecida. Logo após perder por 2 a 1 para o Junior de Barranquilla, na Colômbia, a delegação gremista sofreu um ataque de vândalos quando se dirigia ao aeroporto da cidade, na madrugada desta sexta-feira.

Uma das pedras chegou a quebrar o vidro onde estavam sentados o treinador Renato Gaúcho e o assessor de imprensa Vitor Rodriguez. Pelo Twitter, os jogadores do Grêmio manifestaram a revolta com a situação.

“Vidro estilhaçado em todo mundo. Absurdo. Não vejo a hora do jogo de volta”, postou o lateral Gabriel.

Já o meia Douglas preferiu lamentar a noite ruim (em todos os aspectos) para o tricolor gaúcho.

“Fomos apedrejados no caminho para o aeroporto. Que fase”.

Sem mais artigos