A continuação da sexta rodada do Campeonato Brasileiro teve a quarta vitória seguida do Palmeiras na provável despedida do técnico interino Alberto Valentim, novamente com gol do atacante Henrique. O placar mínimo sobre o Figueirense, na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, deixou o alviverde na quarta colocação, bem à frente do Santos, que foi até o Estádio Serra Dourada e empatou em 2 a 2 com o Goiás, continuando com apenas uma vitória no torneio e estacionando na 13ª posição.

Verdão brigando lá em cima

Se o time não apresenta um futebol brilhante, é possível dizer que está sendo eficaz. As quatro vitórias seguidas (três no Brasileirão e uma na Copa do Brasil) mostram que o técnico argentino recém-contratado Ricardo Gareca, que assistiu ao jogo das tribunas, já tem um esquema que pode utilizar para quem sabe manter o time no topo da tabela.

O Figueira veio fechado como no jogo do último final de semana quando venceu o Coritnhians na estreia de seu novo estádio por 1 a 0 (únicos três pontos da equipe no campeonato, além do único gol marcado no certame), mas viu um Palmeiras mais ofensivo que o alvinegro naquela oportunidade e conseguiu o gol com seu centroavante Henrique aos 36 do primeiro tempo. Na etapa final, os catarinenses ainda tentaram o famoso “abafa”, mas a defesa paulista conseguiu se segurar.

Crise no Peixe

O Santos bem que tentou, conseguiu ficar duas vezes à frente do placar, mas o Goiás fez valer o mando de campo e, se conseguisse a vitória, poderia até assumir a liderança do Brasileirão junto com Cruzeiro e Grêmio, mas acabou caindo para a sexta colocação.

O time praiano se saiu bem na primeira etapa e, aos oito minutos, abria o placar com Geuvânio, e ainda tentava aumentar o marcador com outros ataques perigosos e chances perdidas. O Esmeraldino acabou empatando aos 25, com Alex Alves, e foi para cima conseguir a virada, foram mas os visitantes que terminaram a primeira metade do duelo na frente, com gol de pênalti de Cícero, aos 38.

A etapa regulamentar teve o alvinegro santista mandando na partida, tendo as melhores chances criadas, mas sem finalizações que levassem perigo. Em descuido da zaga, Erik apareceu sozinho na frente do goleiro Aranha e fuzilou para o gol, empatando tudo, aos 23. O jovem Stefano Yuti ainda perderia ótima chance de conseguir os três pontos no final, mas o resultado foi mesmo o 2 a 2 e um pontinho para cada equipe.

Próximos jogos

A sétima rodada terá os quatro clubes supracitados jogando no domingo (25), sendo que o Santos joga no Estádio do Morumbi contra o Flamengo, já que a Vila Belmiro foi entregue à Fifa, e o Palmeiras viaja até o interior catarinense para enfrentar a lanterna Chapecoense. Os rivais dos paulistas desta noite, por outro lado, se enfrentam no Orlando Scarpelli, casa do Figueira em Florianópolis.

Veja abaixo os resultados da 6ª rodada do Brasileirão:

Quarta-feira (21):
19h30 – Coritiba 1 x 1 Internacional
19h30 – Flamengo 1 x 1 Bahia
21h00 – Cruzeiro 2 x 0 Sport
21h00 – Criciúma 1 x 0 Chapecoense
22h00 – Fluminense 5 x 2 São Paulo
22h00 – Corinthians 1 x 1 Atlético-PR
22h00 – Grêmio 2 x 1 Botafogo

Quinta-feira (22):
19h30 – Goiás 2 x 2 Santos
19h30 – Palmeiras 1 x 0 Figueirense
21h00 – Vitória x Atlético-MG

Sem mais artigos