As atividades dos Jogos Pan-Americanos de 2011 produzem mais de 28 toneladas de sujeira diariamente, informou nesta quarta-feira o diretor de coleta de lixo da Prefeitura de Guadalajara, Leopoldo Pérez Magaña.

“É uma quantidade de lixo incomum, já que estamos recolhendo 16 toneladas a mais que o habitual”, declarou o diretor.

Ainda segundo ele, desde o começo do Pan, no último dia 14, os espectadores geraram 15 toneladas diárias de resíduos de todo tipo, que são recolhidas somente no centro histórico e nos locais de competições esportivas.

Magaña afirmou que as atividades de limpeza municipais são feitas fora das sedes e nos percursos das atividades esportivas de rua, como maratona, ciclismo e marcha atlética, pois o Comitê Organizador é o encarregado dos resíduos dentro dos estádios.

O diretor disse ainda que o corredor gastronômico e cultural conhecido como “Jalisco Fan Fest” gera apenas em um dia 13 toneladas, quase a mesma quantidade coletada na área central. Isso acontece por conta das exposições, shows e degustações de comida dos diversos países participantes dedicadas aos turistas, como um atrativo extra as competições.

Também de acordo com, Magaña, do dia 1º de outubro até esta quarta-feira, foram retirados um total de 205 toneladas de lixo com os eventos especiais e culturais que ocorreram em diversos pontos da de Guadalajara.

Os trabalhos de limpeza são realizados por uma centena de pessoas distribuídas em três turnos e que permanecerão até o dia 21 de novembro, ou seja, até a conclusão dos Jogos Parapan-Americanos.

Sem mais artigos