2013 não foi um ano muito bom para o então atual campeão mundial. Para o atacante Paolo Guerrero, idem. Com status de ídolo após ajudar o Corinthians na conquista do Mundial de Clubes em 2012, contra o Chelsea, o peruano espera desta temporada muito mais do que a passado, quando o time levantou apenas um troféu, a Recopa Sul-Americana.

“Quero ganhar tudo. Espero conseguir atingir em 2014 os objetivos que me proponho: ser goleador e melhor jogador, metas que tenho a cada ano que passa”, disse o atacante, em entrevista no Peru, onde passa as férias.

Fora de boa parte do Campeonato Brasileiro graças a uma fratura que teve no pé esquerdo, Guerrero ainda assim foi o maior artilheiro de 2013 pelo Timão, com 18 gols.

Com 30 anos completados na última quarta-feira (01), o peruano está há um ano e meio no Parque São Jorge, tendo balançado a rede 26 vezes em 63 jogos disputados.

Sem mais artigos