O ex-jogador Pelé visitou nesta segunda-feira (17) uma escola primária em Nitori (nordeste do Japão) e doou bolas de futebol a crianças desabrigadas na tragédia de 11 de março.

Pelé realizou a visita como embaixador da Copa de 2014 no Brasil. O ex-jogador quis conhecer as áreas mais afetadas pelo terremoto e tsunami de março e “oferecer palavras de coragem como representante do povo brasileiro”, afirmou em declarações divulgadas pela agência local “Kyodo”.

Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, que completará 71 anos em 23 de outubro, aproveitou para doar 20 bolas de futebol e falar com os emocionados alunos da escola de Nitori, na província de Miyagi, uma das mais atingidas pelo tsunami.

A chegada do visitante ilustre atraiu uma centena de curiosos à escola, que não queriam perder a oportunidade de dar a mão ao ex-jogador ou pegar um autógrafo como lembrança.

Seishu Kudo, de 10 anos, e seu irmão Takemu, de 8, que tiveram sua casa e sua antiga escola danificadas pelo tsunami, receberam um autógrafo de Pelé, no qual o brasileiro escreveu a palavra: “Amigos”, acrescentou a agência “Kyodo”.

Após cumprimentar Pelé, Takemu disse que sua meta é “praticar mais e algum dia jogar na seleção nacional” (de futebol).

Pelé foi nomeado Embaixador da Copa de 2014 no Brasil pela presidente Dilma Roussef em julho.

Sem mais artigos