A promotoria de Düsseldorf, na Alemanha, investiga a suposta agressão do capitão do Benfica, o zagueiro Luisão, ao árbitro Christian Fischer, no amistoso do fim de semana passado entre a equipe portuguesa e o Fortuna Dusseldorf.

Os promotores alemães vão abrir um processo contra o zagueiro do clube português por lesão corporal e requisitaram ajuda da justiça portuguesa na tramitação do processo, segundo informações do jornal “Bild”. O jogo foi realizado na cidade de Dusseldorf.

“Os fatos ocorreram diante do olhar de 25 mil espectadores e portanto é de interesse público que se proceda judicialmente”, afirmou o promotor Ralf Herrenbruck ao tablóide alemão.

O amistoso entre o Fortuna Dusseldorf e o Benfica estava empatado em 0 a 0 quando foi suspenso, aos 43 minutos do primeiro tempo, após um encontrão entre Luisão e o árbitro.
Fischer desabou e ficou caído no campo durante alguns minutos, foi atendido nos vestiários e suspendeu a partida por não ter condições físicas para continuar apitando o jogo.

Luisão nega a agressão e afirmou inclusive que Fischer “encenou” sua queda, enquanto no Fortuna Dusseldorf as reações às declarações do zagueiro foram de espanto, pois a equipe considerou a agressão indiscutível.

Sem mais artigos