O zagueiro Carles Puyol, do Barcelona, foi submetido a uma artroscopia no joelho esquerdo e ficará de dois a três meses longe dos gramados.

O jogador se viu obrigado a passar pela sala de cirurgia no final desta temporada depois que os diversos tratamentos conservadores aos quais tinha se submetido não surtiram efeito.

“Há umas seis semanas detectamos uma lesão, mas como estava na reta final da temporada, o jogador decidiu esperar apesar de não estar 100%”, explicou o médico Ricard Pruna.

“Ele realmente sofreu nestes últimos meses, mas quando jogou alguma partida foi porque estava quase 100%. Mas não arriscamos absolutamente nada”, acrescentou.

Ramon Cugat detalhou que ao longo da intervenção cirúrgica, que durou aproximadamente uma hora e meia, o jogador esteve acordado e, inclusive, se interessando como evoluía a operação.

O zagueiro deixará o hospital nesta quinta-feira clínica e, em um curto prazo, iniciará sua recuperação para voltar a jogar em um prazo entre dois e três meses.

Sem mais artigos