O goleiro Renan estreou com a camisa do Corinthians na derrota por 1 a 0 para o Cruzeiro do último domingo, no Pacaembu, levando um gol quase do meio-campo do atacante Wallyson. Após a partida, o jogador afirmou que estava adiantado, mas – após descansar e rever o lance do gol em casa – Renan afirmou que não falhou, e o mérito é todo do atacante cruzeirense.

“No começo achei que tinha errado, depois em casa vi o lance e não estava adiantado. O mérito é do batedor deles! Em casa cheguei a conclusão de que não foi falha, até mesmo porque se fosse, eu teria personalidade para assumir”, disse o jogador, à TV Bandeirantes.

Renan também revelou o sentimento de estrear pelo Timão no Pacaembu lotado.

“Eu fiquei tranquilo. A torcida por via twitter, até mesmo no CT, vinha dando total apoio. Qualquer jogador profissional, podia ter 40 anos, ia sentir um frio na barriga. Mas a partir do momento que eu entrei no gramado, a torcida apoiou, passou esse frio. Claro que é emocionante você jogar em um estádio com a torcida corintiana apoiando a todo momento”, finalizou.

O Corinthians é o líder isolado do Campeonato Brasileiro, com 28 pontos, seis a mais que o São Paulo, e volta a campo no próximo domingo, às 16h, contra o Avaí, na Ressacada.

Renan se defende: "não estava adiantado"

Sem mais artigos