Rivaldo negou, na noite da última quarta-feira (15), que vá jogar no Mallorca, da Espanha, ou no Mogi Mirim, clube que também é presidente, e esclareceu que a relação com as duas equipes é apenas de negócios.

“Quando estava em Mallorca, falaram que eu iria jogar lá, e como estou sem equipe dizem que também vou jogar no Mogi Mirim”, declarou Rivaldo em entrevista coletiva na qual se pronunciou sobre o acordo entre o clube espanhol e o brasileiro.

O jogador, de 37 anos, acrescentou que está “resolvendo assuntos pendentes com o Bunyodkor”, clube do Uzbequistão que defendeu na temporada passada.

“Por estar aqui na equipe, todos os dias, como presidente, dizem que vou jogar no Mogi Mirim. Se tivesse que jogar, jogaria tranquilamente, mas neste momento essa informação não é verdade”, garantiu.

O Mogi Mirim fechou um acordo com o Mallorca para transferência de jogadores.

Os primeiros a chegar ao clube espanhol foram o lateral Edson Ramos, o zagueiro Fabio Sanches e o volante João Víctor.

Sem mais artigos