A kayaksurfer brasileira Roberta Borsari está no Havaí preparando-se para as provas internacionais de 2011. O desafio é grande. Na ilha havaiana de Oahu não é nada fácil praticar o kayaksurf. As fortes ondas tornam a empreitada de Roberta ainda mais provocante. Sua técnica será testada ao extremo e seu físico, no limite.

No paraíso dos surfistas, ela pretende aprimorar durante três semanas seu condicionamento e suas habilidades. Sua estratégia é surfar em praias com fundo de pedra e ondas rápidas, aproveitando os diferentes locais e condições.

A previsão da atleta, a melhor da América Latina e posicionada entre as dez do mundo, é ficar em Oahu nos primeiros dez dias e depois ir para Maui. Sem esquecer, é claro, de praticar as diversas atividades que as ilhas oferecem, como mergulho, trilhas, passeios em vulcões, remadas de outrigger, entre outros.

Sem mais artigos