O Santos apresentou nesta quinta-feira (07) o atacante Robinho, contratado por empréstimo por um ano junto ao Milan e que iniciará a terceira passagem no clube, em que foi revelado em 2002.

“É minha casa. É um lugar que eu me sinto muito bem, onde eu apareci para o mundo do futebol. Espero retribuir todo esse carinho dos torcedores dentro de campo. Eu quero colocar o Santos onde ele tem que estar”, disse o jogador, em suas primeiras declarações.

Revelado na Vila Belmiro, o camisa 7 do Peixe deixou o clube pela primeira vez em 2005, quando acertou com o Real Madrid. Cinco anos depois, voltou por empréstimo, cedido pelo Manchester City.

“Sempre pensei que, se tivesse que voltar ao Brasil, seria no Santos, mas envolvia também o Milan, que tinham que estar de acordo”, afirmou o Rei das Pedaladas, como classifica o próprio clube, em seu site.

Na entrevista coletiva concedida no centro de treinamento do Santos, o atacante de 30 anos, falou rapidamente em Seleção Brasileira. Para Robinho, é necessário se sair bem no clube antes de pensar em convocação.

“Meu foco será o Santos. Voltar à seleção ou não, será consequência”, garantiu.

A expectativa da diretoria é promover a estreia de Robinho neste domingo (10), em jogo contra o Corinthians, na Vila Belmiro, pela 14ª rodada do Brasileirão.

“Depende do Oswaldo (de Oliveira), mas estou preparado para jogar. Tenho que treinar. Se ele precisar de mim, tranquilo”, afirmou o atacante.

Sem mais artigos