Como tem feito quase toda semana em seu perfil no Twitter, Romário disparou contra Mano Menezes. Desta vez, o ex-atacante e deputado federal (PSB-RJ) citou a venda de Hulk do Porto para Zenit.

“Sobre a última convocação do Mano, mais um exemplo de que dentro da Seleção está havendo um cartel nas convocações. Espero que sem o conhecimento do presidente José Maria Marin e do vice Marco Polo Del Nero. A convocação do Hulk para as Olimpíadas e, logo em seguida, a realização de uma das transferências mais caras da história do futebol. O jogador saiu do Porto, de Portugal, para o Zenit, da Rússia, por 55 milhões de euros (R$ 140,8 milhões).”, escreveu o deputado.

Logo após, o alvo de Romário passou a ser o goleiro Cassio. Segundo o ex-atacante, o arqueiro pode estar a caminho da Roma.

“E, agora, o goleiro do Corinthians, que tem seus direitos econômicos ligados a pessoas da Confederação Brasileira de Futebol. Após a convocação e alguns jogos pela Seleção, se já não foi, será vendido para o Roma. Quem leva?”, completou.

“Grande ministro Aldo Rebelo, o povo brasileiro não merece isso, nos ajude a acabar com essa sacanagem”, finalizou.

Há duas semanas, Romário já havia usado sua página no microblog para disparar contra o técnico da seleção. Na época, o ex-atleta questionou a personalidade de Mano.

Sem mais artigos