São Paulo está reforçado fora dos gramados, ao menos o clube passou a ter um Conselho Cosultivo de peso. Já em campanha para a reeleição, Juvenal Juvênio, atual presidente, formalizou o acerto com os empresários Roberto Justus e Abílio Diniz.

“Existe o Conselho e esses seis convidados. Vejo como uma homenagem para nós. Não esperava, mesmo minha paixão pelo clube sendo pública”, afirmou Roberto Justus em entrevista ao diário “Lance!”.

Além dos dois empresários, o São Paulo nomeou, sem a presença da imprensa, Paulo Natanel de Souza, secretário de Educação do estado, Cláudia Lúcia Fanucchi, juíza federal, Sydney Sanchez, ministro do Superior Tribunal Federal, e Pedro Paulo Manus, ministro do Tribunal Superior do Trabalho.

Apesar de fazer parte do conselho tricolor, os empresários negaram qualquer interesse em dar suporte financeiro para futuros reforços.

Sem mais artigos