A delegação do São Paulo embarcou nesta segunda-feira ao Equador, onde enfrentará a LDU de Loja em jogo de ida pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana, sem o atacante Luis Fabiano, que está lesionado.

O técnico Ney Franco afirmou, antes da viagem, que o time vai entrar em campo com “força máxima, com exceção de Luís Fabiano”, para tentar avançar na competição continental. O artilheiro são-paulino ficará fora dos gramados nas duas próximas semanas devido a um estiramento na coxa direita.

Para o duelo com a LDU de Loja, o Tricolor também não poderá contar com o recém-contratado Paulo Henrique Ganso, outro jogador do elenco no departamento médico.

O goleiro Rogério Ceni disse que está “bastante” preocupado pela “maratona” que o time fará até chegar à cidade de Loja. O elenco viajará a Cuenca com duas escalas, a primeira em Bogotá, na Colômbia, e a segunda em Guayaquil, já no Equador. Depois, completará de ônibus os últimos 200 quilômetros até o local da partida.

O único titular que não viajou hoje foi Lucas, que ficou em São Paulo por causa de um compromisso publicitário e viajará amanhã ao Equador, um dia antes da partida.
A provável escalação do São Paulo no jogo contra o time equatoriano é: Rogério Ceni; Douglas, Paulo Miranda, Rhodolfo e Cortês; Denílson, Wellington e Jadson; Lucas Moura, Osvaldo e Willian José.

Sem mais artigos