Em entrevista ao diário Kölner Express, o alemão Bernd Schuster confirmou que os dirigentes da Costa do Marfim o procuraram para treinar a seleção após a demissão de Vahid Halilhodzc.

“Posso me converter em treinador da seleção da Costa do Marfim, mas somente para o Mundial. Seria uma excelente aventura, a decisão deve sair nos próximos dias”, disse.

Desde que foi demitido pelo Real Madrid, em 2008, Schuster está sem emprego.

No Mundial, o Costa do Marfim está no grupo G, junto com Brasil, Coreia do Norte e Portugal.

Sem mais artigos