Dirigentes do São Paulo – apoiados pelo Ministro do Esporte, Orlando Silva – vivem dizendo que o Morumbi atende, sim, às exigências feitas pela FIFA para que o estádio abrigue uma partida de abertura ou de semifinal de Copa do Mundo. Contudo, mais uma vez, a entidade parece não ter reconhecido as alterações realizadas no projeto do clube paulista.

Desta vez, no encontro de técnicos que está ocorrendo na África do Sul, o secretário-geral da FIFA, Jérôme Valcke, afirmou que, por enquanto, o Morumbi não está liberado para nada além de jogos de primeira fase (o que não inclui a partida de abertura do mundial) e, no máximo, jogos de oitavas-de-final.

“É uma bobagem dizerem que existe algo contra a cidade de São Paulo por parte da FIFA,  nós apenas temos uma lista de
exigências para cada fase do torneio”, disse o secretário.

Ainda de acordo com Valcke, o São Paulo tem até o início de 2013 para estar com todas as alterações no Morumbi concretizadas.

Sem mais artigos