A vitória de Chris Weidman contra o brasileiro Lyoto Machida na disputa pelo cinturão dos médios do UFC parece ter impressionado o campeão dos meio-pesados Jon Jones. Após dizer no começo do ano que o detentor do cinturão da categoria até 84kg teria que tornar seu nome ‘um pouco maior’ antes de cogitar a possibilidade de uma superluta contra ele, o lutador mudou seu discurso e já vê com bons olhos a possibilidade de encarar seu compatriota no octógono.

“Acho que seria incrível (lutar com Weidman). Eu absolutamente aceitaria na hora a oportunidade de fazer uma superluta contra o Chris Weidman. Eu o respeito muito como pessoa e como campeão, e acredito que essa luta venderia muito bem”, disse o campeão, em entrevista ao site americano Sherdog.

Próximo rival de Vitor Belfort, Weidman também já disse que gostaria de enfrentar Jon Jones numa superluta. Se os dois continuarem vencendo em suas respectivas categorias, sendo que ‘Bones’ encara o desafeto Cormier nos próximos dias, a ideia do combate entre os atletas de pesos diferentes passa a sair do papel para se tornar realidade ainda este ano.

Sem mais artigos