Segundo o site Clic Esportes, Silas não é mais treinador do Avaí, que perdeu suas três primeiras partidas no Campeonato Brasileiro e também a semifinal da Copa do Brasil.

Segundo o portal, técnico e o presidente João Nilson Zunino acertaram os detalhes na manhã desta quarta-feira. A saída se dará de comum acordo, já que o técnico, a despeito do desempenho ruim das últimas semanas, teria em mãos um proposta considerarda “irrecusável” do Al-Arabi, do Qatar, que perdeu o treinador Péricles Chamusca.

O favorito para assumir o posto é Márcio Goiano, ex-técnico do Figueirense.

Sem mais artigos