Novo técnico da Inter de Milão, Andrea Stramaccioni afirmou nesta terça-feira que não tem nenhum receio diante da responsabilidade que tem pela frente, a de comandar uma das grandes equipes do futebol mundial, após a demissão de Claudio Ranieri.

Em sua primeira entrevista coletiva como técnico do time, Stramaccioni, de 36 anos, afirmou que a incumbência recebida do presidente Massimo Moratti é um “sonho belissímo”.

“Medo? Para quem escolheu essa profissão é só um sonho. Não há medo”, declarou o ex-treinador da equipe de juniores da Inter. O novo comandante ainda afirmou que o convite foi surpreendente e que vai honrar a confiança da direção interista.

O treinador afirmou que não tem medo de se “queimar” com o desafio. “Tenho que fazer meu trabalho. Tenho convicção das minhas ideias e com humildade tentarei colocá-las em prática. Os jogadores farão o resto”, disse.

Como em todas as apresentações de novos treinadores da Inter, o nome de José Mourinho voltou a ser citado. No entanto, Stramaccioni afirmou que não pretende se comparar ao português. “Me sinto a anos luz de um dos melhores treinadores do mundo, um mito”, disse o jovem técnico italiano.

Sem mais artigos