De acordo com o jornalista Rob Harris, da BBC inglesa, o técnico do Queens Park Rangers, Harry Redknapp, contou que apesar de diversas sondagens via imprensa, nenhum clube fez contato oficial para ter Júlio César na temporada 2013/2014.

“Nem mesmo um único clube veio e tentou levá-lo… Pelo bem dele, ele precisava sair”, disse Redknapp, segundo o jornalista, que postou este trecho em sua conta oficial no Twitter.

Titular da meta da Seleção Brasileira, o goleiro não atuou em todas as partidas do time na última Premier League, quando o QPR foi rebaixado como lanterna da competição, com apenas quatro vitórias em 38 jogos.

Na última convocação da Seleção, o técnico Luiz Felipe Scolari quis deixar claro que não leva em consideração se um atleta joga na primeira ou na segunda divisão, bem como levantou o assunto titularidade como indiferente ao seu aproveitamento no selecionado.

Sobre Júlio, Felipão ainda chegou a dizer que ele continuaria no time londrino.

“O Júlio já resolveu a situação dele. Hipoteticamente, tudo está resolvido. Nós temos plena confiança nele como goleiro e como pessoa. Optamos por mantê-lo na seleção por isso e porque a vida dele estará resolvida no fim de agosto, quando acabar a janela de transferências do mercado europeu. Ou aqui, ou ali, mas provavelmente no clube dele, onde o Júlio disputará a posição. Caberá ao técnico escolhê-lo ou não”, disse Scolari, na entrevista coletiva do dia 21 de agosto.

A janela de transferências na Europa se encerra nesta segunda-feira (2) e, ao que tudo indica, o arqueiro revelado pelo Flamengo continuará defendendo as cores dos Rangers na Championship, a segunda divisão inglesa.

Seu nome já foi veiculado a Roma, Napoli, Arsenal, Benfica e mais recentemente Fiorentina.

Sem mais artigos