O capitão da Seleção Brasileira, Thiago Silva, afirmou em entrevista publicada nesta terça-feira (03) pelo jornal francês L’Equipe que a “Espanha tem uma equipe mais forte” do que a do Brasil.

“Não por ter ganho de 3 a 0 em um final (da Copa das Confederações) nos achamos melhores que eles, mas o Brasil continua sendo Brasil, sobretudo porque jogamos em casa no Mundial de 2014”, disse o zagueiro.

Nesta competição, os favoritos para o capitão do Paris Saint-Germain são Brasil, Espanha, Alemanha, Argentina e Uruguai, segundo apontou em outra entrevista para o jornal Le Parisien.

“Todas as equipes tentarão nos eliminar em casa. Devemos trabalhar duro para alcançar nosso objetivo: ganhar o Mundial”, disse o jogador brasileiro.

Segundo o esportista, se a seleção brasileira não ganhar o troféu, “será uma grande tristeza para os jogadores e para todos os brasileiros”.

Silva se mostrou “impaciente e confiante ao mesmo tempo” perante o sorteio e assegurou que a pressão de jogar em casa pode ser positiva porque ajuda a trabalhar e se concentrar mais.

O capitão do Paris Saint-Germain repassou também sua trajetória e confessou que não pensa na Bola de Ouro.

“É quase impossível ganhar. Salvo se houver um milagre e ganhar o campeonato da França, a Liga dos Campeões e o Mundial marcando gol em cada partida”, brincou o jogador.

Sem mais artigos