Com grande exibição no segundo tempo da partida desta terça-feira, o Oklahoma City Thunder derrotou merecidamente o Miami Heat em casa por 105 a 94, largando na frente na decisão da NBA.

O próximo jogo da série, que é disputada em melhor de sete partidas, acontecerá na quinta-feira, novamente com mando de quadra do Thunder.

Num primeiro tempo em que o Heat impôs o ritmo, o time da casa saiu perdendo por 54 a 47. O Thunder voltou do vestiário disposto a mostrar que é o dono da Chesapeake Energy Arena e passou a reduzir a desvantagem. Na metade do terceiro quarto, o placar já estava empatado. A 13 segundos do fim desse período aconteceu a virada, que levou o placar de 74 a 73 para a parcial final. Cada vez mais confiante, o Thunder não deu a mínima chance ao Heat no quarto período e sacramentou o triunfo sem muita dificuldade.

Antes do primeiro confronto, muito se falava em uma disputa pessoal entre os alas Kevin Durant e LeBron James, ambos em busca de seu primeiro título. Enquanto Durant chegou à final na condição de maior pontuador da atual edição da NBA – média de 27,8 pontos -, LeBron foi escolhido o MVP (sigla para Jogador Mais Valioso) da temporada.

Os dois, de fato, foram os melhores jogadores de suas equipes. Durant marcou 36 pontos e pegou oito rebotes para o Thunder, enquanto LeBron anotou 30 pontos e apanhou nove rebotes.

As outras estrelas de Thunder e Heat também apareceram. Pelo time de azul, o armador Russell Westbrook ficou perto de um triple-double ao marcar 27 pontos, dar 11 assistências e pegar oito rebotes. Do outro lado, o também armador Dwyane Wade anotou 19 pontos e deu oito assistências.

Sem mais artigos