As ruas do centro de Lisboa foram coloridas de vermelho, graças a milhares de torcedores do Benfica que lotaram as ruas após a vitória da equipe sobre o Olhanense por 2 a 0, que valeu o título de campeão português.

Os dois gols do jogo que decretou o fim do jejum de quatro anos dos Encarnados foram marcados pelo atacante Lima, ex-Santos. O apito final deu início a uma grande festa na praça Marquês de Pombal, uma das mais importantes da capital.

A festa era esperada, afinal, o rival era o lanterna da competição. Por isso, desde quinta-feira os 65 mil ingressos disponibilizados para a partida estavam esgotados. Nas ruas, um ídolo do clube não foi esquecido.

“Nós torcedores queremos dedicar este título a Eusébio“, disse à Agência Efe, um fanático encarnado, lembrando do ex-jogador, morto no início deste ano.

Jogadores e comissão técnica do Benfica iriam para a praça Marquês de Pombal para festejar com os torcedores. Na quinta-feira, a equipe volta a campo, para enfrentar a Juventus, pelas semifinais da Liga Europa.

Torcida do Benfica celebra título português e homenageia Eusébio

Sem mais artigos