Não era dia de jogo: os hinchas do Boca só queriam declarar amor ao seu time

Não era dia de jogo: os hinchas do Boca só queriam declarar amor ao seu time

Que o futebol é o esporte mais popular do mundo, ninguém tem dúvidas. O que sempre nos surpreende é a forma como a paixão do torcedor do mundo todo demonstra o amor pelo seu time do coração. Ontem (12) a torcida do Boca Juniors, uma das maiores torcidas do mundo, deu uma demonstração incrível de amor pelo clube.

Na Argentina foi decretado que o dia 12 de dezembro é o dia da torcida xeneize, também conhecido como “Dia del Hincha”. Como nos últimos anos as comemorações no Obelisco, cartão-postal argentino, sempre acabaram em confusão, o clube resolveu abrir as portas do mítico La Bombonera para a torcida. O Boca não poderia ter tomado uma decisão melhor: mesmo em um ano terrível em campo – recentemente o River Plate, maior rival do Boca, o eliminou na semifinal da Copa Sul-Americana – a torcida lotou o estádio com um público de aproximadamente 30 mil torcedores. A média de público do Brasileirão deste ano, apenas como comparação, foi de 16,5 mil.

Os xeneizes foram ao estádio apenas para declarar seu amor pelo Boca, e foi uma linda festa. Com a presença de Maradona, Schiavi, Abbondanzieri e Riquelme, as arquibancadas entoaram diversos gritos exaltando seus ídolos. Além disso, foram dispostos no meio-campo os inúmeros troféus internacionais que possui o Boca, quase como em uma resposta às provocações do River Plate após a conquista da Sul-Americana.

Está aí uma boa ideia que os clubes brasileiros podem seguir para tentar reaproximar seus torcedores, mesmo quando o time está um má fase.

Sem mais artigos