A torcida do Fluminense criou o site, www.ronaldinhonofluzaonao.com, para protestar contra a possível contratação de Ronaldinho Gaúcho pelo time carioca. O objetivo é atingir 10 mil assinaturas pela página que será posteriormente entregue a Celso Barros, presidente da Unimed-Rio, parceira do clube.

Na última segunda-feira, Celso Barros e Assis, irmão e procurador do apoiador almoçaram na Barra da Tijuca o que aumentou as especulações da transferência do atacante, atualmente no Atlético-MG. Oficialmente, a diretoria do Fluminense nega a negociação.

Sem mais artigos