<br>
O empate com a Ponte Preta, no último sábado, e a perda do título da Copa do Brasil para o Sport fizeram os torcedores do Corinthians protestar contra o elenco nesta terça-feira, durante treinamento no Parque São Jorge.

Os jogadores mais hostilizados pelos torcedores foram o zagueiro Fábio Ferreira e o goleiro Felipe. O primeiro foi chamado de "cachaceiro"; o segundo, de "pipoqueiro". Felipe está afastado desde a derrota para o Sport.

O jovem atacante Lulinha também foi alvo dos torcedores presentes. Outros "homenageados" pela torcida foram o ex-presidente do clube, Alberto Dualib, e o ex-vice-presidente, Nesi Curi.

<b>LEIA TAMBÉM:</b>
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=25598>Exclusivo: Falamos com Fabinho, do Corinthians</a>

Sem mais artigos