Prestes a enfrentar o Real Madrid pelas quartas de final da Liga dos Campeões, o Borussia Dortmund tem em seu técnico uma forte liderança para conseguir, ao menos, repetir a campanha da temporada passada, quando foi vice-campeão do torneio.

O comandante Jürgen Klopp é sempre um personagem interessante nas entrevistas coletivas e soltou uma pérola na tarde desta terça-feira (01), dia que antecede o primeiro jogo entre as equipes, marcada para o Santiago Bernabéu, casa do adversário.

“A minha tarefa é fazer dos bons jogadores os melhores. Temos bons jogadores na equipe e amanhã todos vão crescer”, disse, sem pestanejar, como o líder nato que é.

Depois, Klopp revelou a única frase no idioma do oponente, expressão esta que com certeza aprendeu nos duros anos de carreira como treinador de time de elite na Alemanha.

“Vamos deixar tudo em campo. O Santiago Bernabéu é um cenário impressionante e amanhã ‘vamos a tener cojones’. É a única frase em espanhol que conheço”, riu-se.

Só para deixarmos claro: a expressão acima significa “vamos ter coragem”, mas de um jeito menos formal. Bem menos formal.

Sem mais artigos