Especulado como reforço do Botafogo para a disputado Campeonato Brasileiro, o meia chileno Jorge Valdivia agradeceu neste domingo ao clube carioca pela tentativa de contar com seu futebol, mas garantiu que não deixará o Palmeiras após a goleada por 6 a 0 sofrida contra o Coritiba na última quinta-feira.

Valdivia fez menção especial ao técnico do Bota, Caio Junior, com quem trabalhou na equipe alviverde entre 2006 e 2007.

“Tomara que fique claro o que penso de tudo. Agradeço o interesse do Botafogo e do Caio, mas a minha preocupação é tentar pagar a dívida aqui”, publicou ‘El Mago’ em seu perfil no Twitter.

“Vocês acham que num momento desses iria deixar vocês? Correr dos problemas não é comigo. Gosto muito do Caio Junior, mas a minha família é o Palmeiras”, acrescentou o jogador, que vem sendo criticado por ter feito algumas atuações abaixo do esperado desde quando voltou ao clube, em 2010.

O Palmeiras foi eliminado do Campeonato Paulista no domingo passado, quando foi derrotado pelo rival Corinthians nos pênaltis, e se encontra em situação ruim na Copa do Brasil após ter sido goleado pelo Coritiba no jogo de ida pelas quartas de final.

Sem mais artigos