O palmeirense Valdívia voltou a se envolver em confusão na seleção chilena. De acordo com o jornal “El Mercurio”, o meia esteve bêbado, ao lado de Jean Beausejour, a uma hora e meia do primeiro treino do Chile para o duelo contra a Argentina.

Segundo a publicação, testemunhas viram os dois atletas acompanhados de três pessoas causando confusão com gritos em um bar de Santiago, capital chilena.

“Fiquei com pena e raiva quando os vi como estavam”, disse Miguel Ángel Román, testemunha do incidente ao lado de sua filha, em entrevista ao diário.

De acordo com Román, os atletas estavam em uma caminhonete e jogaram um sapato pela janela antes de entrarem no estabelecimento para iniciar o alvoroço.

Apesar das testemunhas, Maurício Valenzuela, empresário de Beausejour, negou o ocorrido ao diário. “É mentira. Os dois foram tomar café da manhã, apenas isso. O resto é tudo falso”, disse.

Sem mais artigos