Além das repetidas contusões que o atormentam em campo, o meia chileno Valdivia, do Palmeiras, ainda tem um grande problema para resolver fora dele.

Segundo o diário “La Cuarta”, El Mago está sendo vítima de extorsão por conta de um suposto vídeo gravado em uma conversa via webcam com a modelo erótica Angie Alvarado (“La Geisha chica”) em que ambos mostram suas partes íntimas – à época, a garota tinha apenas 16 anos.

O caso já havia sido divulgado anteriormente mas, apenas agora, o vídeo “caiu na internet” e fez a história voltar à tona já que, de acordo com a publicação, uma mulher de 18 anos, Muriel Palma, estaria chantageando o jogador desde o começo do ano ameaçando publicar as imagens na rede. Valdivia teria, inclusive pago mais de 5 milhões de Pesos chilenos (R$ 17 mil) por meio de três transferências feitas do Brasil. Como Palma insistiu, o chileno resolveu acionar a justiça. 

O “La Cuarta” também afirma que o advogado do jogador, Carlos Castro, confirmou a história: “ele estava nu em uma conversa privada com outra pessoa quando alguém fotografou a tela. Isso ocorreu há três anos”. Ele também levantou suspeitas sobre Angie Alvarado, afirmando que deve ser investigado se existe “algum tipo de relação” entre as duas, e também sobre outras pessoas, incluindo uma modelo argentina que atua com ensaios virtuais e um produtor de televisão.

Para completar o tumulto, o incidente ocorreu quando o meia estava atuando nos Emirados Árabes e sua esposa, Daniela Aranguíz, estava grávida. A história fez com que a relação implodisse: “a flor morreu definitivamente”, resumiu o jornal o que, segundo o advogado, “o deixou pessoalmente muito afetado”.

Enquanto isso, Valdivia treina com a seleção do Chile para a Copa América, em julho, na Argentina.

Sem mais artigos