E não é que o Vasco reagiu com Ricardo Gomes? Não lembrando em nada aquela equipe que sofria para marcar um gol, o Gigante da Colina simplesmente massacrou o América neste sábado, em Volta Redonda, por 9 a 0 e transformou o que seria um jogo para cumprir tabela em uma prova de que a equipe pode se redimir da péssima campanha do início da Taça Guanabara.

O Vasco começou o jogo com tudo e, após quatro minutos, já abriu o placar. Fágner tabelou com Éder Luís, driblou um marcador e bateu cruzado, sem chance para Mota, aos 4 do primeiro tempo.

O América ainda tentou reagir, com Leandrinho, aos 8, mas não deu. Aos 18, após nova boa participação de Éder Luís, Felipe soltou a bomba de fora da área e, após desviar no lateral-esquerdo Bruno, a bola foi para o fundo das redes.

Aos 23, Felippe Bastos cobrou falta e venceu Mota pela terceira vez na noite. Dois minutos mais tarde, foi a vez de Marcel, em boa cabeçada, marcar mais um. Depois disso, virou coletivo. Aos 37 minutos, Éder Luís, em grande noite, cruzou rasteiro para Enrico bater no canto de Mota.

O sexto saiu aos cinco do segundo tempo. Caíque, que entrou no lugar de Éder Luís, tabelou com Fagner e, já dentro da pequena área, mandou para a rede. Aos 18, após erro na zaga, Ramon, dentro da área, mandou com força para o gol e fez o sétimo. Mais seis minutos, Jeferson marcou o oitavo e, nos acréscimos, o Vasco fez o nono com Enrico.

Fim de jogo e alma lavada. Promessa de dias melhores na Taça Rio e na Copa do Brasil. Santo Ricardo Gomes.

Sem mais artigos