O Campeonato Paulista 2014 começa neste fim de semana e o Virgula Esporte pesquisou a fundo (algumas coisas nem tanto, pois saíram da mente afiada dos nossos repórteres) para listar 20 fatos e/ou curiosidades das mais bacanas sobre o torneio que existe há 112 anos.

Sabe há quanto tempo o Corinthians não conquista um bicampeonato, feito que pode conseguir este ano? Qual é o time que mais vezes foi vice? Pai e filho já jogaram juntos no mesmo time?

Estas e outras respostas logo abaixo. Divirta-se!

1 – Entre os quatro grandes, Corinthians e Santos empatam quando o quesito é o maior tempo de jejum de taças do Paulistão: 23 anos. Do Timão, foi entre 1954 e 1977, já o time praiano ficou desde a sua fundação, em 1912, até 1935, quando se sagrou pela primeira vez. O Palmeiras vem logo atrás, com 16 anos de fila (1976 a 1993), com o São Paulo tendo amargado por menos tempo tal constância, 13 anos (1957 a 1970)

2 – O maior vice-campeão da história do torneio é o Palmeiras, que conseguiu a honrosa segunda posição em 24 oportunidades. O São Paulo pode igualá-lo nesta temporada. Já o Corinthians tem só um pouco a menos que os rivais, com 21 vices. Santos ficou perto da taça, mas não levou, 10 vezes.

3 – O Corinthians é o que mais foi campeão de forma invicta (1914, 1916, 1929, 1938 e 2009), tendo sido o último a conseguir isso. O anterior foi o Palmeiras, há mais de 20 anos, em 1972.

4 – Rogério Ceni pode levar centésimo gol do Corinthians. Até hoje, o goleiro do São Paulo foi vencido 98 vezes por jogadores do alvinegro.

5 – Dos quatro grandes clubes paulistas, somente o São Paulo jamais conseguiu um tricampeonato paulista. Esteve perto disso em 1982, mas foi derrotado pelo Corinthians na finalíssima. Santos (1960/1961/1962, 1967/1968/1969 e 2010/2011/2012) e Corinthians (1922/1923/1924, 1928/1929/1930 e 1937/1938/1939) são os que mais conseguiram tal feito, com o Palmeiras, quando ainda era Palestra Itália, tendo consagrações no triênio 1932/1933/1934.

6 – O extinto São Paulo Athletic, de Charles Miller, em 1902/1903/1904 (os três primeiros Campeonatos Paulistas da história) também já levou três taças consecutivas.

7 – O Club Athletico Paulistano, que não tem mais times profissionais de futebol, é, até hoje, a única equipe a conseguir um tetracampeonato. Foi nas temporadas de 1916/1917/1918/1919.

8 – Ituano (2002) e Inter de Limeira (1986) e Bragantino (1990) são os únicos clubes do interior do Estado de São Paulo a conseguirem o título.

9 – Feitiço é o jogador que mais marcou em uma edição entre os humanos. Em 1931, pelo Santos, estufou a rede 29 vezes. Logicamente, Pelé foi quem mais fez gols em uma só edição. Na de 1958 fez incríveis 58 gols. Em outros anos, chegou a marcar 44, 47 e 49 vezes, todas pelo Peixe.

10 – Dos 10 maiores públicos da história do campeonato, sete foram em jogos do Corinthians. Todos no Estádio do Morumbi.

11 – O Campeonato Paulista foi o primeiro torneio de futebol do Brasil e é realizado ininterruptamente desde 1902.

12 – O primeiro Campeonato Paulista contou com apenas cinco equipes, que formavam a antiga LPF – Liga Paulista de Futebol.

13 – O primeiro artilheiro do Paulista foi Charles Miller. Aliás, foi o próprio Miller quem trouxe o futebol para o país.

14 – O Palmeiras jogou somente três finais nos últimos 18 anos (titulo em 1996 e 2008 e o seu último vice, de 1999).

15 – A primeira equipe a fazer mais de 100 gols em um Paulista foi o Santos, em 1927. O feito só foi repetido quase 70 anos depois pelo Palmeiras, no ano de 1996, e seu famoso “Ataque dos 100 Gols”.

16 – Pela primeira vez em 15 anos, o Campeonato Paulista começa como a principal meta dos quatro grandes no primeiro semestre, já que nenhum se classificou para a Taça Libertadores, o que geralmente colocava o torneio em segundo plano.

17 – Santos fez a contratação mais cara. O atacante Leandro Damião, do Internacional, por cerca de R$ 42 milhões.

18 – Corinthians pode voltar a ser bicampeão, feito que não alcança desde 1983.

19 – Pela primeira vez, pai e filho podem jogar juntos no mesmo time. Rivaldo e Rivaldinho pelo Mogi Mirim. O pentacampeão é o presidente do clube, e pode vir a campo caso se recupere de lesão. Já seu filho acaba de ser promovido aos profissionais e pode estrear.

20 – De todos os treinadores da Série A1, Gilson Kleina, do Palmeiras, é o que se mantém há mais tempo no cargo: 16 meses.

Sem mais artigos