Os brasileiros tiveram destinos diferentes nas lutas principais do card do UFC 139, em San Jose, na California. Wanderlei Silva, ameaçado até de ser demitido caso perdesse, nocauteou o vietnamita Cung Le. Já Maurício Shogun levou a pior no confronto contra Dan Henderson.

O Cachorro Louco começou seu duelo levando a pior diante de Le. O vietnamita tomou a iniciativa do combate e conseguiu acertar alguns bons golpes em Wanderlei Silva. Entretanto, no segundo round veio a resposta do brasileiro.

Com um belo golpe de direita, Wanderlei Silva deixou Cung Le desconcertado e aproveitou o momento, indo para cima do adversário e distribuindo socos e joelhadas até o juiz interromper a luta a 11 segundos do fim do round.

Shogun demora para acordar

Na luta mais esperada da noite, o brasileiro Maurício Shogun perdeu por pontos para o norte-americano Dan Henderson. Em um combate bastante disputado e cheio de variações, os jurados foram unânimes e deram vitória para Handerson após cinco rounds de luta.

Depois de ter sido dominado durante quase todo o combate, Shogun mostrou resistência e quase conseguiu o nocaute no último round. Mas, o desgaste físico fez com que a potência de seus golpes diminuísse e o brasileiro não conseguiu a vitória. Com a triunfo, Dan Henderson se credencia para disputar o título da categoria meio-pesado.

Sem mais artigos