Aguinaldo Silva, autor da novela Fina Estampa, resolveu desabafar no Twitter, neste domingo (27). Ele falou sobre preconceito, homofobia e o que ele chamou de “vitimismo gay”. 

“Mas o fato é que os gays no Brasil entraram numa onda de ‘por favor, nos amem, somos coitadinhos!’ Isso é detestável: fala sério!”, escreveu ele. Ele criticou principalmente ativistas da causa gay que dizem que o personagem Crô da novela “presta um desserviço à ‘causa’ por ser pintoso”.  O ator Marcelo Serrado vive o personagem assumiadamente gay na trama.

“Por isso deixei de ser ativista: porque, quando olho para uma pessoa, gay ou o diabo a quatro, o que eu vejo é apenas isso: uma pessoa”, afirmou.

Sem mais artigos