Quem vê a lindíssima Moa da novela Da Cor do Pecado toda feliz nem imagina que a sua intérprete, a atriz Alinne Moraes, passou dez anos sem ver ou conversar com o seu pai.

Em entrevista à revista Isto É gente dessa semana, a loirinha abriu o seu coração e contou que, entre outros motivos, preferiu distanciar-se do seu pai, o fotógrafo Luís Orlando Moraes, depois que ele separou-se de sua mãe quando Alinne tinha apenas 2 anos.

“Isso já me deu muita tristeza, mas aprendi a lidar com essa falta”, comenta a atriz. “É como alguém que nasce sem um braço e aprende a viver assim.”

Durante todo o tempo em que esteve separada do pai, Alinne trabalhou muito. Sua mãe sempre lhe acompanhava em todos os trabalhos como modelo. Nesse período, a atriz aproveitou para conhecer o mundo e mostrar a sua beleza nas passarelas do exterior.

Vendo que Alinne não estava completamente feliz, uma amiga proporcionou o reencontro entre pai e filha. “Foi bacana, não foi uma coisa fria”, revela Alline que passou a conversar com Luís Orlando há 3 meses. Na matéria, a loirinha dos olhos verdes afirma que seu namorado, Cauã Reymond, é quem supre toda a sua carência.

Já o gato, retribuiu os elogios da sua amada dizendo que é ela quem completa toda a sua vida. Uma verdadeira troca de beijos em palavras.

Veja onde os pombinhos assumiram o namoro

Gianecchini pode atrapalhar o romance de Alinne com Cauã?

Todas as meninas queriam o namorado de Alinne

Sem mais artigos