Aline (Vanessa Giácomo) irá para cama com Ninho (Juliano Cazarré) e acaba reclamando para seu novo amante que está sem paciências nenhuma com César (Antonio Fagundes) que ela o chama de “aquele velho”, em Amor à Vida, novela de Walcyr Carrasco.

O encontro entre Aline e Ninho se dá por acaso, no supermercado. Ela está comprando os alimentos para misturar com os produtos que deixarão seu marido, César, cego. 

O artista plástico esbarra com ela e já parte pra cima: “Você é uma excelente mulher. Do tipo que qualquer homem gostaria de ter”. Os dois convesam mais um pouco e Ninho a convida para ir ao seu ateliê cm a desculpa que irá presenteá-la com um quadro. 

O rapaz aproveita para pedir desculpas e continuar o jogo de sedução: “Apareci no seu casamento num mau momento, acabou dando tudo errado. Mas agora eu quero fazer as coisas direito. Desde que eu te vi pela primeira vez, eu senti o seu olhar. E te achei muito gostosa”.

Aline, então de forma seca e cruel, desabafa para Ninho sobre César: “Eu já estou farta daquele velho. Farta”.

Ela então pede para ele tirar a camisa e o elogia: “Você sim é um homem que vale a pena”. O clima esquenta e os dois se beijam e depois transam.

Sem mais artigos