A atriz Angelina Jolie, acostumada a boas ações, doou US$ 50 mil (pouco mais de R$ 100 mil) em homenagem à Malala Yousufzai, garota de 14 anos que levou um tiro na cabeça semana passada pelo Taliban (organização radical islâmica) por protestar criando um blog dizendo que queria estudar. A notícia está no site E! Entertainment desta quarta-feira (17).

“Como resposta à bravura de Malala, garotas de todo o Paquistão, Afeganistão e do mundo estão se levantando e dizendo ‘Eu sou Malala’. E essa é uma oportunidade de mostrar alguma solidariedade”, escreveu Jolie junto com a fundadora da Fundação Mulheres no Mundo, Tina Brown, em uma declaração no site da instituição.

Tina também é fundadora do The Daily Beast, um jornal liberal americano, cujo dinheiro doado por Jolie foi destinado, e será usado no programa Parceria para Educação para Crianças em Zonas de Conflito. Parte do dinheiro também irá para a criação do Prêmio Mulheres de Impacto para a Educação de Garotas, em homenagem à luta de Malala.

A atriz, que é embaixadora da boa vontade e enviada especial da comissão de refugiados, ambos das Nações Unidas, publicou no Daily Beast um texto – intitulado Todas Somos Malala – no qual encoraja as pessoas a apoiarem a educação como um direito básico.

Malala teve sua situação estabilizada ainda no Paquistão, mas foi transferida de avião essa semana para um hospital na Inglaterra especializado em ferimentos de guerra. A expectativa é que ela sobreviva.

Angelina Jolie doa R$ 100 mil em homenagem à menina paquistanesa que levou tiro na cabeça por querer estudar

Sem mais artigos
Sair da versão mobile