O ator Junno Andrade, de 51 anos, que vive o personagem Amaury em Boogie Oogie, falou sobre sua adolescência, em 1978, ano em que se passa a trama da novela, em declaração publicada nesta segunda-feira (01), no site do programa Encontro com Fátima Bernardes.

“Eu tinha 15 anos! As músicas me marcaram muito porque eu já tocava violão. Dançar juntinho era uma forma de ganhar a gatinha mesmo! Se ela não queria, tinha uma expressão que era ‘levar tábua’, e quando ela aceitava estar de rosto colado era meio caminho andado. Hoje não tem mais isso”, contou o ator.

Em declaração ao site, Junno afirmou também que gostava da dificuldade de conquistar meninas mais velhas e que viveu algumas frustrações: “Tenho várias frustrações. Eu gostava de uma menina um pouco mais velha e minha irmã me deu uma dica para chegar nela dizendo: ‘e aí mina, quer embarcar nessa comigo?’ Ela deu um sorrisinho e disse que não queria”.

Namorado da apresentadora Xuxa, Junno falou também como ajuda a amada a enfrentar a doença da mãe, dona Alda, que sofre de Mal de Parkinson: “Lido com a mesma tensão e ansiedade que ela, queremos ver a dona Alda melhorando. Nós, que convivemos, queremos o melhor para todos: saúde para dona Alda e tranquilidade para Xu, que é tão apegada à mãe”.

Sem mais artigos