Katherine Jenkins, de 32 anos, quer acabar com os boatos que colocam ela como amante do jogador de futebol David Beckham. A matéria está no Mail Online desta terça-feira (23).

Em agosto ela tuitou que nunca teve algum contato maior que amizade com o inglês, mas como não foi suficiente, decidiu vir a público.

“Não quero que pensem que eu namoraria um homem casado. Eu não gostaria que ninguém pensasse que eu faria isso a outra mulher”, disse ela à publicação.

A cantora de ópera também nega que isso seja um truque de publicidade de sua parte e alega ter recebido até ameaça de morte.

“Eu passei por meses ouvindo pessoas dizerem isso para mim no Twitter e ligando para os meus amigos para perguntar se era verdade. Eu estava recebendo ameaças de morte antes de falar sobre isso. Você não acreditaria em quão malucas e fora do controle as coisas estavam ficando”, contou.

Ela causou rebuliço quando, em agosto, tuitou: “Caros amigos do Twitter, li terríveis rumores aqui e quero que vocês saibam que eu nego absolutamente ter tido um caso com David Beckham”.

Em outro post, publicou: “Vi David apenas duas vezes – uma nos Prêmios Militares de 2010 e outra noite em West End, em 2012. Estávamos em um grupo de amigos e foi uma noite normal e divertida”.

“Assim, temos de forma clara que eu nunca fiquei sozinha ao lado dele e nunca tentei encontrá-lo a sós”, terminou.

Sem mais artigos