Os fãs mais fervorosos da cantora Miley Cyrus já conheciam Floyd, o cão da raça husky siberiano, uma vez que a popstar chegou a introduzir um imenso retrato dele no palco de sua turnê do disco Bangerz, que virá para o Brasil ainda este ano. Quem não sabia da existência dele, no entanto, descobriu da pior maneira. Nesta quarta-feira (02), a cantora anunciou que seu companheiro canino se foi.

Em um depoimento emocionado da cantora, em seu perfil do Twitter, ela anunciou a morte de Floyd. “Eu não quero dizer por que não quero que seja real… Mas o meu bebê precioso Floyd morreu… Estou com o coração partido. Eu sei que não quero isso de verdade, mas eu queria que ele tivesse me levado com ele. Isso é insuportável. O que eu vou fazer sem ele? (…) Estou arrasada”, escreveu a cantora em uma série de tuítes.

O tuíte-desabafo de Miley causou comoção dos fãs e obteve mais de 30 mil retuítes e quase 60 mil curtidas. Além disso, a hashtag “#RIPFloyd” foi criada.

Esta, no entanto, não foi a primeira vez que Miley usou seu perfil do Twitter para comunicar a perda de um animal de estimação. Em 2012, ela usou a rede social para desabafar em relação a morte de sua yorkshire Lila.

Sem mais artigos