Carolina Dieckmann é capa da edição de novembro da Marie Claire, que chega às bancas nesta quarta-feira (26). A atriz, que está fazendo sucesso com a personagem mau caráter Teodora de Fina Estampa, falou sobre como gostaria de usar sua sensualidade, se não tivesse seguido a carreira atuando.

“Não acho que toda mulher tem um lado periguete. Temos um lado mais sensual e podemos escolher como usar. Se eu não fosse atriz, só usaria meu lado sensual entre quatro paredes, com meu marido”, disse ela, que é casada com o diretor Tiago Worcman.

Exibindo boa forma e chamando a atenção com suas madeixas claras, Carolina falou sobre o tom de seus cabelos: “Sou loura, é natural. Uma mulher que nasce de cabelo preto e vira loura nunca vai sentir isso. Ela pode até se achar linda desse jeito, mas não é a mesma coisa”.

A atriz contou também que prefere assistir programas nacionais: “Nunca vi séries americanas. O Alex (Lerner, amigo e assessor) queria que eu visse uma, sobre um detector de mentiras [Lie to me]. Acho elaborado demais. Adoro novelas porque não tem que ler legendas, não tem que pensar. Se eu deitar no sofá sem nada pra fazer às 18h, vejo a novela das 18h, das 19h, o RJ TV, a novela das 20h, O Astro…”

Sem mais artigos