Luciana Gimenez entrevistou Ronaldo Ésper sobre as crises de pânico que o estilista sofreu, em seu programa SuperPop, na Rede TV!, na notie dessa segunda. Ele perdeu sete parentes em um prazo muito curto e ela questionou se realmente ele estava com depressão: “Mas aí que eu pergunto: Isto não é tristeza? Porque você perder sete familiares em um ano, quem não ficaria infeliz diria que você é autista”. Este foi o estopim para que pais com filhos que tem o transtorno se pronunciassem nas redes sociais e até nas páginas do Facebook da apresentadora.

Tatiane Soares da Silva, mãe de uma criança autista, escreveu na página de Luciana no Facebook: “Atente-se ao que você fala, você tem nível nacional de audiência e seu comentário foi infeliz com relação aos autistas, sou mãe de uma menina autista, a Pietra, e saiba que ela é muito mais sensível do que você imagina, principalmente à perda de entes queridos… Espero que você busque mais informações daqui pra frente! Lamentável!”

Outra mãe de autista, Leuda Lima, também pediu para que a apresentadora se informe mais sobre o assunto: “Acredito que as pessoas deveriam ter mais cuidado antes de abrir a boca para falar de um assunto que não dominam, ou poderiam se informar, ler sobre o assunto para não falar besteira. Pois acabam muitas vezes sendo interpretado como comentário preconceituoso, tendo em vista que preconceito: um pré-conceito, é o conceito antes ou sem conhecimento. E pode-se dizer que o preconceito seja uma forma de negar o conhecimento. #autistatemsentimento”.

A jornalista Silvia Ruiz, também mãe de um autista, explicou: “Luciana, eu tenho certeza de que você não deu a entender que autistas não tem sentimentos por mal. Cometer gafes é uma especialidade sua, mas essa questão do autismo é fruto de ignorância da maioria das pessoas que não é afetada diretamente pelo autismo. […] Errar é humano. Mas não assumir e não pedir desculpas é burrice, e burra você não é, certo? Meu filho tem quatro anos, é autista. É uma das crianças mais amorosas que conheço. E para você entender: os autistas são muito mais sensíveis do que a gente. E, por isso, o mundo é quase insuportável para eles. É o contrário do que você pensa”.

Virgula Famosos procurou a assessoria de imprensa da apresentadora que informou que “Luciana não irá comentar o caso”.

Veja o vídeo clicando aqui.

Sem mais artigos