Ando questionando muito essa coisa do date, o encontro pré sexo no qual duas pessoas se encontram e ficam tentando parecer interessantes umas para as outras. Sei que isso existe desde sempre, mas cada vez mais me parece um processo fake e me dá uma preguiça imensa.

É como se precisássemos editar nós mesmo só com a melhor parte (e sermos bons editores, claros, para que o encontro dê um bom resultado). Por mais natural que a gente tente ser, esse processo meio artificial geralmente é inevitável. Não seria engraçado se vocês, homens, pudessem saber exatamente o que a gente está pensando?

Nesse vídeo engraçadíssimo “If women were honest on dates”, dá pra ter uma ideia de como seria se a gente falasse o que a gente realmente pensasse nos dates.

Dá uma olhada: 

Sem mais artigos