Na segunda fase de Avenida Brasil, que tem início nesta segunda-feira (02), Débora Falabella viverá a fase adulta de Rita, que passará a se chamar Nina, após ser adotada por um casal de argentinos. Em entrevista para o jornal Extra, publicada nesta segunda, a atriz  falou sobre quando recebeu o convite do autor João Emanuel Carneiro para dar vida a personagem.

“João me ligou e falou do projeto. Disse que tinha muita vontade de trabalhar comigo, mas que a novela ainda ia demorar. Aceitei na hora. Eu o conheci assim, mas acho que ele já prestava atenção em mim”, disse ela.

Na trama, Nina quer se vingar de Carminha (Adriana Esteves), pelas maldades cometidas: “Não sei como pode crescer uma pessoa que sofre um tipo de trauma como esse, principalmente na infância. Minha história é muito diferente da dela. Mas defendo a personagem e acredito que para ela tudo valha a pena. Nina tem seus motivos”.

Antes de começar as gravações, Débora quis conhecer o aterro sanitário de Jardim Gramacho, de Duque de Caxias: “Fiquei bastante impressionada. Fui com um produtor e um representante da Comlurb. As pessoas me reconheceram, me contaram um pouco como é o dia a dia ali. Eles conversam muito, brincam, mas fazem um trabalho bem perigoso, de grande risco”.

Sem mais artigos