Ela nasceu Arlette, mas deixou este nome para outra atriz usar, a Sales, mas preferiu ser chaamda de Fernanda Montenegro, que nesta quinta-feira (16) completa 85 anos. A atriz é uma quase unanimidade. A palavra “quase” é porque como já dizia o dramaturgo boca solta Nelson Rodrigues, toda a unanimidade é burra, e burrice não é bem um quesito que se encaixa para a mãe de Fernanda Torres (esta tiradinha típica do jornalismo para não repetir palavras deve orgulhar a primeira-dama do teatro brasileira que adora por demais a filha, não é não? Sabe, ser reconhecida como mãe de). Bom, de qualquer forma, ela é diva e continua divando, quer saber porque?

1) Ela vai ao David Letterman (super internacional, a fofa!) e ainda tira sarro de si mesma “em si”, dizendo, em inglês (meio Fisk, é verdade, mas na língua da Rainha) que ela não é a garota de Ipanema e sim, a velha de Ipanema (aos 1min47s):

2) Não tem medo de levar torta na cara:

3) Ao ser perguntada qual é o conselho que daria aos jovens atores, ela diz na lata: DESISTA:

4) Nunca foi santa, mas às vezes…:

 

5) Recita Simone de Beauvoir, que era (porque morreu) e é uma super feminista (o que é muito bacana) e também uma super chata (francesona cabeça, sabe?), mas na voz da Fernandona fica tudo bom (ih, este repórter babou ovo agora):

6) Fina, (confirmou que é internacional) vai ao Oscar pra concorrer o prêmio de Melhor Atriz:

7) Não tem medo de se jogar nas personagens (viu, cabelo de Marina Ruy Barbosa) e, aos 85 anos, fará um casal lésbico com Nathalia Timberg:

8) E não tem medo de apoiar os homossexuais e os direitos humanos e mandou um baita beijo na boca da atriz Camila Amado em ato de protesto contra Marco Feliciano, quando o pastor homofóbico era presidente da Comissão dos Direitos Humanos:

9) Ela defendeu sua ideia sobre a política contra as drogas¨”Sonho no dia em que o mundo todo entrasse num consenso de liberação da droga. Quanto mais viciado, mais pedido de socorro ele pede. Enfiá-lo numa cela é matá-lo”.

10) Diva é pra divar, não pra morrer de fome:

Sem mais artigos