Giovanna Ewbank está na cidade de Gramado, no Rio Grande do Sul, para apresentar seu filme Amor Proibido, nesta sexta-feira (17), no festival de cinema da cidade. Em entrevista para a revista Isto É Gente, ela falou sobre o trabalho.

“Posso dizer que foi uma honra ter feito. Adoro fazer cinema, é um lugar onde quero transitar mais. O filme fala sobre o amor homossexual. Como tenho muitos amigos gays, sei como eles sofrem muito com preconceito. Eu, como atriz, quero poder ajudar mais causas como esta com papéis assim”, disse a atriz.

Mas sobre a vida pessoal, ela preferiu economizar nas palavras e não quis falar sobre a reconciliação de seu casamento com o ator Bruno Gaglisso. “Não queria falar sobre isso. O que posso dizer é que estou muito feliz. Faz três semanas que minha vida está mais alegre”, disse a atriz, que anunciou o fim da união há dois meses.

Sem mais artigos