No reino dos bumbuns, há rainhas mais soberbas. Gretchen, 52 anos, na ativa desde a década de 70, deve lançar uma coletânea de sucessos em breve e falou sobre a longevidade de sua carreira. Em entrevista ao jornal O Dia, publicada neste sábado, dia 23, ela disse que seu trabalho está “eternizado” e espetou colegas do mundo artístico.

“Elas são totalmente diferentes, não têm nada a ver com meu trabalho”, disse, quando questionada sobre as dançarinas de axé e mulheres frutas.

“Acho até que podem ter se inspirado em mim, mas eu vou ficar para sempre. Meu trabalho está eternizado. Elas foram passageiras. Hoje, não se fala mais em Carla Perez nem em Sheila, que faziam só um trabalho de dançarinas. O meu era diferente, eu sou cantora”, opinou a eterna Rainha do Bumbum.

Gretchen conta que acaba de trocar o silicone. “Acabei de fazer uma troca de prótese de busto, afinal uma mulher da minha idade não tem mais essa coisa de rigidez na pele, uma hora a gente tem que se cuidar mesmo, né?”, disse.

A coletânea Charme, Talento e Gostosura será lançada na próxima quarta-feira, dia 27, e contará com sucessos como Conga, Conga, Conga, Freak Le Boom Boom e Melô do Piripipi.

Sem mais artigos