Como é de costume, depois do primeiro paredão todos ficam ao redor do “sobrevivente”, seja para amenizar o peso na consciência de quase ter mandando alguém embora da casa ou para ficar ao lado do mais forte.

Hoje Inês esteve sempre rodeada dos brothers. Eleito pelos colegas o mais sincero da casa, Gustavo disse a ela que torceu por Juliana e achou que ela iria voltar do paredão, mas que está feliz por Inês ter ficado. Daniel seguiu o exemplo e disse que, apesar de não conversarem muito, estava feliz, mas não ia “puxar o saco dela”, nas palavras do próprio.

Com a eliminação de Juliana a turma deve se misturar mais, pois com ela, os telespectadores já estavam prevendo a formação de uma “panelinha”.

Agora quem corre o risco de ver seu nome no paredão de domingo é Agustinho.

Sem mais artigos