A top mais esperada do Fashion Rio, a poderosa Gisele Bündchen, está proibida de conceder entrevistas a sites.

A iniciativa vem da Colcci, grife pela qual a modelo desfila na sexta-feira (13).

Já está programada uma entrevista coletiva de Gisele para logo depois do desfile, mas apenas 20 profissionais foram liberados para o evento. Todos pertencem a veículos tradicionais de comunicação, como rádios e TVs.

Quem definiu o número de repórteres para a coletiva também foi a Colcci.

Responsáveis pela maior quantidade de notícias a respeito de Mrs. Bündchen, os profissionais da internet estão revoltados com a decisão. Durante todo o ano de 2005, e já em 2006, cada ato da modelo foi parar em suas home pages.

A Colcci ainda não se posicionou sobre o veto.

Sem mais artigos